Certificação Energética de Edifícios nos Concelhos de Arouca e Ovar

Certificação Energética de Edifícios nos Concelhos de Arouca e Ovar

O certificado energético é ainda composto, além do que há referi nos posts anteriores, por: Descrição dos Sistemas de Climatização – Sistema de Aquecimento e Sistema de Arrefecimento. É necessário obter as especificações técnicas dos equipamentos instalados, tal como a potência e a eficiência. Caso o proprietário não possua esta informação o perito recorre à Nota Técnica NT-SCE-01, que é um “regulamento” que define por defeito os valores a utilizar consoante a idade do equipamento. Descrição do Sistema de Produção de Águas Quentes Sanitárias (AQS). É necessário também obter as especificações técnicas do equipamento e tal como nos sistemas de … Ver Mais…

Certificação Energética de Edifícios no Concelho de Santa Maria da Feira

Certificação Energética de Edifícios no Concelho de Santa Maria da Feira

Para finalizar, o certificado energético termina com um parágrafo intitulado “Observações e Notas….”. Neste parágrafo o perito qualificado tem a possibilidade de descrever todos os instrumentos que utilizou para elaborar o certificado energético, tais como documentos de apoio, folhas de cálculo, regulamentos, entre outros. Esta descrição serve para demonstrar ao proprietário os elementos que perito utilizou para elaborar o respectivo certificado energético. Para saber os restantes elementos que constam num certificado energético consulte os seguintes posts: Certificação Energética de Edifícios – Concelho de Vale de Cambra; Certificação Energética de Edifícios – Concelho de Oliveira de Azeméis; Certificação Energética de Edifícios … Ver Mais…

Certificação Energética – Distrito do Porto

Certificação Energética – Distrito do Porto

No processo de certificação energética é elaborado três documentos principais que devem ser entregues ao requerente, estes são: Certificado de Desempenho Energético e da Qualidade do Ar Interior; Relatório de Peritagem; Folha de Cálculo Regulamentar. Apresento de seguida os certificados energéticos que apoiei na realização no distrito do Porto.   Certificação Energética – Distrito do Porto Travessa Delfim Ferreira – Fracção A,C e E (T3) – Vila Nova Gaia Avenida de Lagos nº 219 – Fracção K (T2) – Vila Nova de Gaia Rua Alcino Araújo nº59 – Fracção G (T2) – Vila Nova de Gaia Avenida 8 nº878 – … Ver Mais…

Certificação Energética de Edifícios – Oliveira de Azeméis

Certificação Energética de Edifícios – Oliveira de Azeméis

Como já referi noutro post, o certificado energético é obrigatório. O certificado energético é composto, além do que já referi em outros posts por: Descrição dos envidraçados, tipo de caixilharia, tipo de vidro, tipo de protecção, entre outros; Descrição da ventilação do edifício ou fracção autónoma, podendo ser ventilação natural ou ventilação mecânica……. O certificado energético é ainda composto por mais elementos que apresento nos seguintes posts: Certificação Energética de Edifícios – Concelho de Vale de Cambra; Certificação Energética de Edifícios – Concelhos de Arouca e Ovar; Certificação Energética de Edifícios – Concelho de São João da Madeira; Certificação Energética … Ver Mais…

Empresa reconhecida como uma Empresa de Serviços Energéticos (ESE)

Empresa reconhecida como uma Empresa de Serviços Energéticos (ESE)

O Fundo de Eficiência Energética, é um instrumento financeiro que foi criado através do Decreto-Lei n.º 50/2010, de 20 de Maio, e que tem como objetivo financiar os programas e medidas previstas no Plano Nacional de Ação para a Eficiência Energética (PNAEE), incentivar a eficiência energética por parte dos cidadãos e das empresas, apoiar projetos de eficiência energética e promover a alteração de comportamentos neste domínio. Em causa estão apoios em edifícios de habitação, indústria e edifícios públicos que promovam o aumento do desempenho energético.

Piso Radiante – Qual o sentido tem instalar nestes dias de verão

Piso Radiante – Qual o sentido tem instalar nestes dias de verão

O sentido que faz é que, mesmo no Verão, se constroem e se renovam casas e nesse caso é uma pena que se não aproveite a oportunidade para instalar o piso radiante mesmo que já exista aquecimento previsto. Na realidade neste Verão, a TECNISIS tem tido das maiores taxas de instalação de piso radiante eléctrico, nomeadamente com a FOLHA RADIANTE, para aplicar com o pavimento flutuante em remodelações e o CABO RADIANTE em novas construções ou com grandes alterações no piso. Nesta foto pode ver a ultima instalação com folha radiante numa casa em Albufeira, àrea aquecida de 210 m2. Basta agora colocar o laminado … Ver Mais…

A utilização de revestimentos vegetais exteriores em elementos verticais e horizontais das envolventes dos edifícios

A utilização de revestimentos vegetais exteriores em elementos verticais e horizontais das envolventes dos edifícios

A utilização de revestimentos vegetais exteriores em elementos verticais e horizontais das envolventes dos edifícios tem-se desenvolvido em meio urbano, afigurando-se, em primeira instância, estar em causa uma tentativa de resposta, mais uma…, à necessidade crescente de trazer o verde para amenizar o cimento e o betão urbanos.